Área de Sócio

IX CURSO LIPIDOLOGIA 2020


IX CURSO LIPIDOLOGIA 2020

Programa

Inscrições

XXVIII CONGRESSO PORTUGUÊS DE ATEROSCLEROSE


XXVIII Congresso Português de Aterosclerose

Hipercolesterolemia Familiar (HF)

 

Materiais informativos

Hipercolesterolemia Familiar (HF)

Desenvolvidos pelo “International FH Paediatric Register”.

Uma cortesia do Grupo de Investigação Cardiovascular do INSA para chegar as famílias com crianças com FH para que melhor compreendam a sua doença e vivam melhor com ela.

Foram desenvolvidos para idades diferentes com conteúdos adaptados:

Um estudo populacional publicado na Mayo Clinic Proceedings revelou que a diabetes é um fator de risco independente para a insuficiência cardíaca, apoiando o conceito de cardiomiopatia diabética. A investigação concluiu que, mesmo na ausência de uma patologia cardíaca, as pessoas com diabetes não deixam de apresentar maior risco de insuficiência cardíaca, em comparação com as pessoas que não têm diabetes.
Publicado em Highlights
quarta-feira, 20 novembro 2019 16:00

Mudança de paradigma no tratamento da diabetes

“De facto, o tratamento da diabetes mudou nos últimos anos”. É desta forma que a Prof.ª Doutora Paula Freitas, do Hospital de São João, começa por explicar a transformação na renovação terapêutica desta doença. Em entrevista ao My Cardiologia, a especialista explica os benefícios cardiovasculares e renais já apresentados por duas classes farmacológicas. Assista ao depoimento em vídeo.

Publicado em Highlights

Fingeret M1, Marques-Vidal P2, Vollenweider P3

Publicado em Noticias

O risco relativo de mortalidade por todas as causas e hospitalização POR DAC e AVC, comparando pessoas com diabetes controlada e não controlada foi 1,29 (IC 95 1,08,155), 1,38 (IC 95 1,20,1,59) e 1,05 (IC 95 0,91, 1,21), respetivamente. O risco populacional atribuível (RAP) associado ao não controlo da diabetes foi de 13,6% (IC 95%; 4,0-23,9) para mortalidade por todas as causas, 17,9% (IC 95%; 10,5-25,2) para CHD e 2,7% (IC 95%; - 5,5-10,8) para hospitalização por acidente vascular cerebral. Foram estas as conclusões de um estudo recente publicado no BMC Cardiovasc Disord. 2018 Sep 4;18(1):180.

Publicado em Noticias